War Of Dragons

Capa do Álbum: War Of Dragons
A Rádio Online mais ouvida do Brasil
War Of Dragons
Ícone seta para a esquerdaVeja todas as Notícias.

Dionne Warwick e Barry Gibb são homenageados no Kennedy Center Honors

A noite memorável teve muita música e celebração para os artistas honrados

Placeholder - loading - Dionne Warwick, Barry Gibb e Queen Latifah são homenageados no Kennedy Center Honors.Divulgação
Dionne Warwick, Barry Gibb e Queen Latifah são homenageados no Kennedy Center Honors.Divulgação

Publicada em  

Foi uma noite e tanto no Kennedy Center Honors! Não apenas pela introdução de Sir Barry Gibb, com seu característico falsete, na turma de 2023, mas também pela presença de Dionne Warwick,Queen Latifah, a aclamada soprano Renée Fleming e Billy Crystal. Na sua 46ª edição, a celebração honorária tem evoluído de um evento sóbrio para um espetáculo de entretenimento em grande escala, condizente com a mais alta honraria do país para realizações artísticas.

O evento deste ano, realizada no domingo, 3 de dezembro, contou com a presença do presidente Joe Biden, a primeira-dama Jill Biden e uma série de celebridades influentes. A anfitriã e homenageada de 2017, Gloria Estefan, estava lá, além de Michael Bublé,Dove Cameron,Ariana DeBose,Robert De Niro,Missy Elliott,Cynthia Erivo,Whoopi Goldberg,Gladys Knight,Rita MorenoeMeg Ryan.

Gibb, aos 77 anos, é um dos compositores mais prolíficos da história, co-escrevendo centenas de canções com os irmãos Robin e Maurice, formando a máquina de sucessos dos Bee Gees. Ele escreveu a faixa-título do filme "Grease", interpretada por Frankie Valli, e em parceria com os Bee Gees, o sucesso crossover de 1983 "Islands in the Stream", levado ao topo da Billboard Hot 100 por Dolly Parton e Kenny Rogers.

"É muito emocionante; há algo acontecendo no ar e você simplesmente sente isso", disse Barry Gibb sobre a presença dos falecidos irmãos durante o evento. Além disso, o pré-show envolvente incluiu Michael Bublé, que descreveu como Gibb ajudou sua carreira há 20 anos. "Eu estava trabalhando com o produtor David Foster, e David disse: 'Não temos calor, precisamos de um dueto.' Não importa para quem enviamos 'How Can You Mend a Broken Heart', não conseguimos alguém para fazer um dueto". Foster deu a versão de Bublé da música para Gibb, "e dois dias depois, meu primeiro dueto foi com Barry Gibb e os Bee Gees, e isso mudou minha vida", acrescentou Bublé.

Bublé cantou a faixa durante o tributo a Gibb, que também incluiu uma versão convincente de "Lonely Days" de Little Big Town, colaboradora de Gibb no álbum de 2021 "Greenfields: The Gibb Brothers Songbook, Vol. 1"; uma versão apropriadamente teatral de "Nights on Broadway" de Ben Platt; e um medley com infusão de disco com DeBose acompanhado ao piano por Chloe Flower, encerrando a noite com um redemoinho de confetes.

O filho de Gibb, Stephen Gibb, prestou uma homenagem sincera: "Meu pai de alguma forma foi dotado de uma habilidade sobrenatural e focada no coração de se expressar na música, o que lhe permitiu se conectar com pessoas em um nível tão massivo".

Queen Latifah, a primeira rapper feminina a receber honras, foi homenageada por Rita Moreno e Kerry Washington, diante de um cenário de ícones do rap e hip-hop apresentando um medley que incluiu "UNITY" e "Ladies First". Latifah compartilhou com a Billboard que estava vivenciando uma experiência única antes do evento. "É uma loucura estar aqui sozinha esta noite", disse ela. "Me sinto muito honrada. Estou muito, muito humilde. Ser homenageada no mesmo ano do 50º aniversário do hip-hop? Cereja do bolo”.


Veja também:

TBT: “I WILL ALWAYS LOVE YOU”, A TRILHA SONORA QUE MARCOU O MUNDO

ANTENA 1 TE DÁ UMA ALEXA DE NATAL  


Descontos especiais para distribuidores

Últimas Notícias

  1. Home
  2. noticias
  3. dionne warwick e barry gibb …

Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.

War Of Dragons Mapa do site