spinomenal

Capa do Álbum: spinomenal
A Rádio Online mais ouvida do Brasil
spinomenal
Ícone seta para a esquerdaVeja todas as Notícias.

EUA precisam de 'sabedoria diplomática ao estilo Kissinger', diz principal diplomata chinês

Placeholder - loading - Kissinger em reunião com Wang Yi em Pequim 22/11/2019 REUTERS/Jason Lee
Kissinger em reunião com Wang Yi em Pequim 22/11/2019 REUTERS/Jason Lee

Publicada em  

Por Ryan Woo e Ethan Wang

PEQUIM (Reuters) - Os Estados Unidos precisam de 'sabedoria diplomática ao estilo Kissinger' em sua relação com a China, disse o principal diplomata chinês, Wang Yi, ao ex-secretário de Estado norte-americano Henry Kissinger em Pequim nesta quarta-feira, enquanto os dois países tentam reparar laços.

Kissinger serviu como secretário de Estado dos EUA e conselheiro de Segurança Nacional nos governos dos presidentes Richard Nixon e Gerald Ford, e desempenhou um papel diplomático fundamental na normalização das relações entre Washington e Pequim na década de 1970.

Washington disse estar ciente da viagem à China esta semana de Kissinger, que visita o país asiático regularmente desde que deixou o cargo e agora tem 100 anos, mas disse que não estava agindo em nome do governo dos EUA.

Wang, ministro das Relações Exteriores da China até o final do ano passado, referiu-se a Kissinger como 'um velho amigo' e elogiou o ex-diplomata por desempenhar 'um papel insubstituível' na melhoria do entendimento mútuo entre os dois países.

'As políticas dos EUA em relação à China exigem sabedoria diplomática ao estilo de Kissinger e coragem política ao estilo de Nixon', disse Wang, segundo o Ministério das Relações Exteriores da China, durante a reunião.

Kissinger não é o único ex-secretário de Estado em Pequim que espera estabilizar os laços bilaterais nesta semana. John Kerry, agora enviado climático presidencial, mantém conversas na capital chinesa desde segunda-feira sobre o combate às mudanças climáticas como parte de um esforço mais amplo dos EUA para restaurar o diálogo entre os países.

O atual secretário de Estado dos EUA, Antony Blinken, esteve em Pequim no mês passado.

Uma série de questões têm prejudicado os laços China-EUA, incluindo a parceria da China com a Rússia, sua reivindicação territorial sobre Taiwan e os apelos dos EUA por restrições comerciais em tecnologias de ponta.

Wang disse a Kissinger que é 'impossível' tentar reformar a China e 'ainda mais impossível' cercá-la e contê-la.

Não importa o quão difícil seja, ambos os lados devem se tratar como iguais e manter contato, disse Kissinger, segundo o Ministério das Relações Exteriores. É inaceitável tentar isolar o outro lado, acrescentou o ex-diplomata.

Um dia antes, Kissinger se encontrou com o ministro da Defesa da China, Li Shangfu.

Escrito por Reuters

Últimas Notícias

  1. Home
  2. noticias
  3. eua precisam de sabedoria …

Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.

spinomenal Mapa do site