stoiximan.gr

Capa do Álbum: stoiximan.gr
A Rádio Online mais ouvida do Brasil
stoiximan.gr
Ícone seta para a esquerdaVeja todas as Notícias.

Messi dança noite adentro após manter vivo sonho de vencer Copa do Mundo

Placeholder - loading - Messi comemora vitória da Argentina sobre o México na Copa do Mundo 26/11/2022 REUTERS/Kai Pfaffenbach
Messi comemora vitória da Argentina sobre o México na Copa do Mundo 26/11/2022 REUTERS/Kai Pfaffenbach

Publicada em  

Por Andrew Cawthorne

LUSAIL, Catar (Reuters) - Lionel Messi cantou e dançou sem camisa com companheiros de equipe até depois da meia-noite de domingo, depois de levar a Argentina a uma vitória carregada de emoção sobre o México que ressuscitou seu sonho de conquistar um primeiro título da Copa do Mundo.

As cenas de festa no vestiário --Messi pulando com os dois braços para o alto e o goleiro Emiliano Martínez dançando em uma mesa-- mostraram o quanto este torneio significa para a Argentina e seu capitão, em sua quinta e última chance de levantar o troféu.

A Argentina tem uma das equipes mais talentosas no Catar, mas está sob mais pressão do que a maioria e tem enfrentando dificuldades para reproduzir a forma de seus últimos três anos, quando ficou 36 partidas sem derrota antes do torneio.

Portanto, foi compreensível ver a liberação da tensão após vencerem o México por 2 x 0 após uma derrota chocante na estreia contra a Arábia Saudita. Embora, na verdade, tenham enfrentado dificuldades no primeiro tempo contra uma equipe medíocre do México, eles comemoraram como se tivessem ganho a própria Copa do Mundo.

'É um peso fora do nosso ombro', disse Messi, de 35 anos, que disputa seu último torneio pela seleção.

Depois de marcar o primeiro gol contra o México, seu segundo dos três argentinos na Copa, Messi se dirigiu aos torcedores gritando de alegria. O assistente técnico Pablo Aimar, que era o ídolo da infância de Messi, lutou contra as lágrimas no banco.

MESSI E MARADONA 'SÃO UM SÓ'

Os argentinos às vezes têm dificuldades para abraçar seu pequeno gênio, em parte porque ele não conseguiu o maior troféu de todos, mas também devido ao seu comportamento tímido e tranquilo em comparação com a extravagância de seu amado ídolo Diego Maradona.

Tal ambivalência agora parece totalmente no passado, no entanto, já que Messi mostrou o quanto está comprometido com sua camisa, principalmente quando desabou em lágrimas no ano passado após levar a equipe ao título da Copa América contra o Brasil para acabar com um jejum de 28 anos sem troféu.

Ao menos há mais bandeiras com seu nome e rosto do que do grande camisa 10 do passado, que morreu há dois anos. Muitas, de fato, mostram os dois juntos, de braço dado ou Maradona com um ar de beatificação sobre Messi do céu.

Se Messi for até o fim, é claro que ele irá igualar Maradona, que levou a Argentina a uma famosa vitória na Copa do Mundo de 1986, incluindo sua famosa 'Mão de Deus' e o gol mais bonito da história das Copas, contra a Inglaterra.

Se ele tropeçar, porém, ficará na sombra de Maradona, mas parece que ainda assim será reverenciado pelos argentinos, que passaram a apreciar a paixão e a dor que ele realmente sente vestido de azul e branco.

'Você viu como ele correu até nós e comemorou conosco? Este é o nosso Messi. Agora ele é também o nosso Maradona. Eles são um só', disse o torcedor argentino Rodrigo Castro, de 34 anos, comemorando euforicamente fora do Estádio Lusail até as primeiras horas de segunda-feira.

Quando as emoções baixarem, Messi terá de se preparar para enfrentar a Polônia no último jogo argentino na fase de grupos, quando apenas uma vitória garantiria a passagem para a fase de mata-mata e um passo mais perto de realizar seu sonho.

(Reportagem adicional de Simon Jennings)

Escrito por Reuters

Últimas Notícias

  1. Home
  2. noticias
  3. messi danca noite adentro …

Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.

stoiximan.gr Mapa do site